15/02/2018

Team Brasil de Salto disputa a 1ª Copa das Nações do ano no CSIO5* em Ocala, EUA

Na quarta, 14, Fábio Leivas foi 3º em Ocala e Zé Reynoso, 3º, em Wellington.

A equipe brasileira de Salto já está a postos para a primeira Copa das Nações do ano - a Longines FEI Nations Cup™ of the United States of America - no CSIO5* de Ocala, na Flórida. 

A equipe brasileira formada por Fábio Leivas montando Fox Trot VD Padenborre, Felipe Amaral com Premiere Carthoes BZ, Rodrigo Lambre e Coleman e Yuri Mansur apresentando Inferno disputa a Copa das Nações no domingo, 18, com premiação de U$ 450 mil.

Pedro Paulo Lacerda, diretor de Salto da Confederação Brasileira de Hipismo, é o chefe de equipe, Pedro Muylaert, o cavaleiro reserva e o veterinário Rogério Saito também acompanha a delegação. A armação dos percursos está a cargo da course-designer brasileira Marina Azevedo.

Na quarta-feira, 14, já teve Brasil no placar na prova de velocidade FEI Welcome Stakes, a 1.45 metro, com Fabio Leivas apresentando Tosca de L´Esques, pista limpa, 60s92 ficou em terceiro lugar. Sagrou-se vencedor o top norte-americano McLain Ward montando Hija van Strokapellleken, sem faltas, 59s31, seguido pelo irlandês Darragh Kenny montando Cassini Z, pista limpa, 60s92. Estiveram em pista 71 conjuntos top mundiais.

Nessa quinta-feira, 15, a principal prova é a 1.50 metro com desempate, e conta com os brasileiros Fábio Leivas com Fox Trot, Yuri Mansur montando Vitiki, Pedro Muylaert com C´est Dorijke e Chief Tibri Z MFS, Rodrigo Lambre com Coleman e Chacciama, Felipe Amaral apresentando Germanico T. Na sexta-feira, 16, a principal disputa é o GP Longines, a 1.60 metro, com U$ 300 mil em jogo. No sábado, 17, o destaque a prova Hits Classic, a 1.50 metro, e, finalmente, no domingo, 18, tem a Copa das Nações (relação completa dos países participantes ainda não foi divulgada). A Copa das Nações será transmitida pela Fei TV a partir das 16 horas (Brasília). O Hits Ocala Winter Circuito tem 10 semanas de duração e termina em 25 de março. A premiação total é de U$ 4 milhões. 


Enquanto isso, em Wellington, Zé Reynoso ficou em 3º no Winter Equestrian Festival

A elite de hipismo brasileiro encontra-se a postos nos EUA nesse início de temporada, especialmente no Winter Equestrian Festival no Palm Beach International Center, em Wellington, Flórida. O evento tem 12 semanas de duração e segue até 1 de abril com mais de U$ 9 milhões em premiação. 

Na quarta-feira, 14, o top brasileiro José Roberto Reynoso Fernandez Filho montando Tanita de Galeste ficou em 3º lugar na prova FEI a 1.45 metro, principal disputa na abertura da sexta semana do evento. Nas duas primeiras colocações teve dobradinha dos EUA de Molly Ashe montando Balous Day Date e Picobello Choppin, pista limpa, 27s538 e 27s9 no desempate. Zé Roberto e Tanita zeraram em 38s047.

Para o hipismo mundial, o ano de 2018 tem seu ápice com os Jogos Equestres Mundiais realizados a cada quatro anos e que chegam a sua 8ª edição entre 11 e 23 de setembro, em Tryon, Carolina do Norte (EUA).


Carola May / CBH
Foto divulgação: cavaleiro Fabio Leivas e Tosca em ação nos EUA.

Notícias Relacionadas

Mais Notícias